Nesta semana, entrevistamos o presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM). Afinal de contas, parece que há uma rede em torno de superfaturamento e propina de vacinas. E não, nós não esquecemos da rachadinhas.

Gravações inéditas apontam o envolvimento direto de Jair Bolsonaro em esquema ilegal de entrega de salários de assessores quando era deputado federal. A reportagem da jornalista Juliana Dal Piva, do Uol, traz áudios de Andrea Valle, ex-cunhada de Bolsonaro, que revela que o irmão foi demitido porque se recusou a devolver parte do salário. É a primeira vez que um ex-assessor admite o envolvimento direto do presidente. Bolsonaro fez da rachadinha um negócio de família.

Mas não nos esqueçamos que há corrupção ocorrendo AGORA, enquanto milhares morrem em função da Covid. Porque à medida que as investigações avançam, se percebe que há todo um esquema em torno do superfaturamento e da propina.

.

Por isso vamos conversar com o presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz (PSD-AM)

.

É treta demais. Covaxin, Davati, um dólar, Luís Miranda, Dominghetti, Reverendo, Cristiano, propina, fiscal de contrato, superfaturamento, shopping, depoimento, chopp, coronel, 400 milhões de doses, emails ignorados, servidor exonerado, servidor ameaçado. Ahhh. Só resta dizer uma coisa. Fora Bolsonaro.

Participam os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol.  Você também pode ouvir o episódio no Spotify, Itunes e Castbox.

Author

Jornalista, radialista, cientista política e uma viajante inveterada. Tem uma relação de amor com a comida. Gringa, não recusa um vinho e uma polenta. Fez da viagem um objetivo de vida. Lisboa é um dos seus lugares preferidos no mundo, embora as melhores histórias estejam na Itália.

Comentários no Facebook