Nesta semana, vamos falar sobre a cúpula do clima, o desastre de Ricardo Salles e a piada da mais nova terceira via para 2022.

Ninguém em sã consciência esperava bons números do governo de Jair Bolsonaro em relação à preservação do meio ambiente, mas o Brasil chega à Cúpula do Clima com os piores números em muito tempo. Segundo o levantamento do Instituto Homem e Meio Ambiente da Amazônia, foram derrubados 810 km2 de árvores na Amazônia Legal em março. Pra se ter uma ideia, Porto Alegre tem 500km2. É o pior resultado para o mês de março em dez anos.

.
Esses números desmentem a carta que Jair Bolsonaro enviou à Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, na semana passada
.

Ele prometeu eliminar o desmatamento ilegal até 2030 e pediu apoio dos americanos para conseguir atingir a meta. E agora Bolsonaro chega à Cúpula do Clima com o constrangimento da realidade de que o governo brasileiro só faz destruir.

.
E quanto à corrida presidencial de 2022, temos uma articulação insólita à direita
.

O humorista Danilo Gentili, se é que se pode chamar-lo assim, reuniu-se com o presidente do Partido Novo, João Amoedo. Gentili aposta em uma chapa formada por Amoedo e Sérgio Moro como uma terceira via. Mas há quem aposte no próprio Gentili como alternativa às candidaturas de Luiz Inácio Lula da Silva e Jair Bolsonaro. Ele não admite a possibilidade publicamente, mas há quem tenha se empolgado com a ideia. Quem? O MBL.

Participam os jornalistas Geórgia Santos, Flávia Cunha, Igor Natusch e Tércio Saccol. Você também pode ouvir o episódio no SpotifyItunes e Castbox

Geórgia Santos
Author

Jornalista, radialista, cientista política e uma viajante inveterada. Tem uma relação de amor com a comida. Gringa, não recusa um vinho e uma polenta. Fez da viagem um objetivo de vida. Lisboa é um dos seus lugares preferidos no mundo, embora as melhores histórias estejam na Itália.

Comentários no Facebook