Nesta semana, o Bendita Sois Vós traz a educação para o centro do debate. A educação que deve ser central na guerra cultural travada pelo governo de Jair Bolsonaro. O presidente eleito, antes mesmo da campanha, adotou um discurso que consiste na pregação contra uma suposta sexualização de crianças nas escolas e o que se chama de doutrinação de esquerda. Essas são duas facetas do movimento que se conhece por Escola Sem Partido. Essa narrativa foi amplamente aceita Brasil afora e o resultado prático é o início de uma perseguição a professores. Mas o que querem? Escola sem doutrinação ou sem reflexão?

Além da jornalista Geórgia Santos, participam o jornalista e professor Tércio Saccol e a jornalista Flávia Cunha. O trio entrevista a professora Cecília Farias, diretora do Sindicato dos Professors do Ensino Privado do Rio Grande do Sul (Sinpro-RS).

Neste episódio ainda há uma conversa sobre Paulo Freire com Janaína Maudonnett, que é professora e pedagoga. Estudiosa dos movimentos sociais na educação, ela é doutoranda do curso de Educação da USP e explica um pouco do pensamento dessa figura relevante no mundo inteiro e que agora é perseguida pelos brasileiros.

Paulo Freire também o tema do Sobre Nós, dirigido por Raquel Grabauska, que traz um trecho da Pedagogia da Esperança.

Geórgia Santos
Author

Jornalista, radialista, cientista política e uma viajante inveterada. Tem uma relação de amor com a comida. Gringa, não recusa um vinho e uma polenta. Fez da viagem um objetivo de vida. Lisboa é um dos seus lugares preferidos no mundo, embora as melhores histórias estejam na Itália.

Comentários no Facebook